Um esforço conjunto para traçar rastrear o risco do diabetes no Brasil.

Mais de 5,7 milhões de brasileiros têm diabetes e não sabem. Outros 14,6 milhões correm o risco de desenvolvê-lo (International Diabetes Federation – IDF/2017).

Com o objetivo de contribuir para a identificação dessas pessoas e o seu encaminhamento para diagnóstico e tratamento, o Conselho Federal de Farmácia (CFF), com o apoio da Sociedade Brasileira de Diabetes (SBD), está empenhado na realização do RASTREAMENTO DE CASOS SUSPEITOS DE DIABETES MELLITUS: NOVEMBRO DIABETES AZUL 2018.

Junto com essa iniciativa, que tem abrangência nacional, está sendo desenvolvida uma campanha de orientação à população, intitulada Diabetes não tem cara. Faça o teste. A campanha é estrelada pelo ator José Loreto, que tem diagnóstico de diabetes TIPO 1 - SAIBA MAIS AQUI.

As atividades fazem parte das ações pelo Dia Mundial do Diabetes, 14 de novembro.

ANOTE AÍ!

Período da pesquisa: 14 a 30 de novembro/2018

Quem está envolvido: farmacêuticos voluntários de mais de 400 farmácias espalhadas pelo Brasil

Amostra pretendida: 11.750 pessoas, de ambos os sexos, com idade entre 20 e 79 anos, SEM DIAGNÓSTICO PRÉVIO.